liberdade

sem liberdade é impossível a criação, seja científica, literária, artistica, ou em tantas áreas como a educação, a cultura ou a engenharia. é verdade que também é preciso estar emocionalmente feliz, confiante e orgulhoso. A primeira são as pessoas que a fazem, a segunda és tu que procuras. Depois acontece. Refiro-me à criação, acontece.

A idade… pesa?

100 anos!
100 anos!

Segundo esta cientista, Rita Levi-Montalcini, carregada de optimismo, “as desgraças são oportunidades”.

Faz-me lembrar o filme “A Vida é Bela”, de Roberto Begnini. Sei que o sofrimento atravessa-nos como uma máquina, sem piedade, e que nesses momentos deixamos de existir. Reconheço que não é um filme xtraordinário, que nos mostra atitudes e situações não-reais, impossíveis, mas é uma lição. Mostra-nos que o futuro existe, é nosso, só nosso, o caminho que fizermos até ai é único, e é bem melhor do que o que temos agora. Seremos outros, teremos outra experiência e teremos mais coragem para resgatar outros futuros ao fracasso.

mais…

Para conhecer melhor esta senhora, veja-se a entrevista que dá  ao site nobelprize.org.

Referências:

A Vida É Bela

Comentários

O futuro está determinado?

ilyaprigogine1Não. Isto que vivemos, isto que sentimos, o planeta que ocupamos, é um sistema complexo muito afastado do equílibrio, o que significa que, o que vemos e o que somos, são estruturas organizadas que se formam nessa situação, ou seja, desgovernadas e sem caminho pré-definido: o futuro está aberto e por definir, mas muito dependente do comportamento de cada individuo, quer dizer, o tipo de estruturas que se criam neste tipo de sistemas dependem de cada um de nós!

Referências:

“O futuro está Determinado?” Ilya Prigogine (Prémio Nobel da Química de 1977), Esfera do Caos, 2008.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Ilya_Prigogine