Não vi


Não vi

Não sei

Nada disto faz sentido

Nada

E contudo vamos, só para satisfazer o verbo

Como condenados a ir, a passar

E por isso não vemos, não sentimos

Nenhum verbo mais interessa que não ir ou passar, fluir

E quanto mais depressa melhor,

Isto ajeita-se ao verbo

Vamos, passamos sem sentir.

Certo ou errado? Que interessa, vamos.

Franz Einstein, 4 de junho 2018

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s